Buscar
  • Aina

Saiba como a pandemia do coronavírus mudou o dia a dia dos condomínios


A pandemia do novo coronavírus trouxe mudanças radicais à vida de todas as pessoas, e nos condomínios, onde uma parcela da população cumpre as recomendações de distanciamento social, não poderia ser diferente.


Dentre as principais mudanças, estão:


Uso de máscara

Essa é uma das principais recomendações para prevenção do contágio, e alguns municípios até decretaram como obrigatório o uso de máscara nas áreas comuns dos condomínios.


Álcool Gel

O álcool gel 70% virou item básico de higiene e de combate ao novo vírus, e muitos condomínios têm optado em disponibilizá-lo nas áreas de circulação, especialmente próximo às portas e até mesmo dentro de elevadores.


Fechamento das áreas de lazer

Salão de festas, parquinho, academia. A fim de reduzir a circulação de pessoas para evitar a disseminação do vírus e a aglomeração de pessoas, o fechamento das áreas de lazer é uma das alternativas para incentivar o distanciamento social.


Restrição de estacionamento para terceiros

Alguns edifícios possuem vagas destinadas aos visitantes, e estas tem sido restringidas, evitando o acesso de não residentes.


Rotina de limpeza

Para garantir a desinfecção dos ambientes, as rotinas de limpeza tiveram que ser intensificadas, sendo realizadas em maior frequência e com produtos recomendados.


Assembleias virtuais e prorrogação do mandato de Síndico

A Lei Federal 14.010 de 2020 autoriza a realização de assembleias em formato virtual até 30 de outubro, bem como a prorrogação do mandato de Síndico até a mesma data, nos casos em que este tenha vencido a partir de 20 de março de 2020.


Mesmo com tantos protocolos visando a segurança do ambiente como um todo, sabemos que a COVID-19 tem um alto índice de contágio, e pode acontecer de algum de morador ser contaminado. Neste caso, recomenda-se que Síndico informe a todos os condôminos, preservando a identidade da pessoa contaminada, a fim de que todos possam reforçar os cuidados e estarem mais atento a qualquer sintoma da doença.


A solidariedade também foi evidenciada neste período, e muitos condôminos que integram o grupo de risco tem encontrado em seus vizinhos a ajuda que necessitam, recebendo favores como ir à farmácia ou ao mercado.


Uma coisa é certa: será mais fácil ultrapassarmos esta pandemia com a colaboração de todos, adotando os protocolos de higiene e sendo compreensivos com a fragilidade de cada um diante deste cenário tão desconhecido para todos nós.



0 visualização

© 2020 Aina | Todos os direitos reservados.